POEMAS DO LIVRO ” RENASCENÇA” de Riz de Farelas

Eu não insisti em andar pelos campos da saudade

Ele foi caçar sonhos
com uma rede de pegar vaga-lumes
só não avisaram o menino que sonhos não
brilham no escuro.
Eles brilham dentro do coração.

escrever é a força do poeta

a estrada é longa
mas se fosse fácil
qualquer um faria

E o teu doce hálito de cereja
quando nos beijamos debaixo das macieiras
como se escrevesse numa página do livro da
minha vida

“nunca me esqueça”

Assim como o sol tem a lua
eu tenho a poesia
eu e você
nos veremos algum dia.

Amor, para mim,
tem nome de gente
endereço, telefone
e um “retorne ao remetente”

ficou vendo
as oportunidades irem embora
como libélulas em uma
tarde de verão

♦♦♦

Riz de Ferelas é um escritor de frases, poesias e versos. A maioria dos poemas e versos escritos por Riz de Ferelas estão relacionados aos assuntos de amor, saudade, sonhos e a vida. Riz escreveu e publicou livros de poesia sobre amor, acreditar no amor, amor não correspondido, buscar os sonhos, redenção, acreditar em superação, e não desistir.

Please follow and like us: